segunda-feira, 22 de setembro de 2014

Com pouco mais de 19 mil eleitores em Lagoa Seca, nas eleições de 2016 terá umas 8 candidaturas ao cargo de prefeito

A População do Município de Lagoa Seca, no Agreste do Estado da Paraíba. Segundo o IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatistifica. Sua População são em torno de 26.950, sendo 12.743 homens. 13.147 mulheres.


Segundo o IBGE, SÃO 21.985 Católicos em Lagoa Seca, e  3.195 Evangélicos. e 35 pessoas Espiritas.



Nas eleições de 2016, Lagoa Seca terá uns 8 candidatos concorrendo a Prefeitura Municipal de Lagoa Seca. O ex - vereador Nilton César PMN será candidato, o ex - candidato a prefeito no ano de 2008, Leandro Marques PPS também concorrerá a Prefeitura de Lagoa Seca, atual presidente da Câmara Municipal, vereador Nelson Anacleto PT também concorrerá a vaga do Executivo Municipal.



O ex - presidente da Câmara Municipal de Lagoa Seca e ex - candidato a prefeito nas eleições de 2012, Fábio Ramalho PSD também será candidato a Prefeito em 2016. O filho do ex - prefeito de Lagoa Seca, Pedro do Pão PSB, o primeiro suplente de vereador, jovem veterinário Dr. Jacome presidente do PSB do Governador Ricardo Coutinho também pretende disputar a Prefeitura de Lagoa Seca.



Outro comentário, é que o ex - candidato a vereador nas eleições de 2008, Tata também pretende ser candidato a prefeito em 2016, de volta ao cenário políticos, o ex - prefeito Bola Coutinho PMDB também pretende ser candidato a prefeito, o  terceiro vereador mais votado de Lagoa Seca, o filho do ex - vice prefeito, Fernando do Veleiro, o Jovem vereador Diego do Veleiro não tira do sonho em ser prefeito, alguns comentários, o jovem Diego do Veleiro pretende concorrer a Prefeitura Municipal de Lagoa Seca.

domingo, 21 de setembro de 2014

Nelson Junior explica impostos sobre grandes fortunas e diz que os muito ricos devem ser tributados

O candidato do PSOL ao senado, professor Nelson Junior, explica os motivos para a adoção do imposto sobre grandes fortunas no Brasil. Em seu artigo publicado nas redes sociais, sob o título O IMPOSTO SOBRE AS GRANDES FORTUNAS PRECISA SER REGULAMENTADO, Nelson Junior afirma que “o Psol não quer criar mais um imposto, pois na verdade o imposto já foi criado pela constituinte de 1988.”

Ainda no mesmo artigo, o candidato ao senado Nelson Junior defende a regulamentação do imposto sobre as grandes fortunas e indica quem deve pagar o imposto. “O IGF não é um imposto que será cobrado de todos, mas sim daqueles com grande patrimônio (os milionários de nosso país). Desta forma, a classe média e a totalidade da classe trabalhadora estariam isentas do imposto, tendo em vista que ele só será aplicado nas GRANDES fortunas”, explica.

“Propomos que o produto da arrecadação deste imposto seja direcionado integralmente para investimentos diretos realizados pelo governo federal nas 500 cidades brasileiras com os menores IDH (cerca de 10% dos municípios) e nas periferias das médias e grandes cidades”, afirma.

Na visão do candidato Nelson Junior, o Senado Federal tem a responsabilidade de lutar pela implementação do imposto sobre as grandes fortunas. Se eleito senador pela Paraíba, Nelson Junior será um senador que levará essa questão para o debate naquela Casa legislativa. “O Psol quer dá efetividade a essa lei fazendo com que a vontade popular expressa na nossa constituição seja respeitada”, comentou.


O presidente estadual do PSOL, Fabiano Galdino, é o primeiro suplente do professor Nelson Junior. Galdino é carteiro e tem afirmado que Nelson Junior será bem votado nestas eleições. “O professor e o carteiro vão surpreender os favoritos”, disse. Assessoria

Sobrinho de Cícero, ex-deputado Fabiano Lucena anuncia apoio à reeleição de Ricardo

Na reta final da campanha, o governador Ricardo Coutinho (PSB) segue contabilizando novas adesões ao seu projeto reeleição. Neste domingo (21), foi a vez do ex-deputado Fabiano Lucena, que utilizou as redes sociais para anunciar apoio à candidatura do socialista. Ele é sobrinho do senador Cícero Lucena (PSDB) e foi secretário de Juventude, Esportes e Lazer na gestão do ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB).


Para justificar seu apoio à reeleição de Ricardo, Fabiano Lucena elencou uma série de motivos e fez comparações entre as gestões do atual governador e a de Cássio. “As obras se multiplicaram pelo Estado e, especialmente, em João Pessoa. Comparar o que foi feito na Capital pelos dois governos é como o jogo Brasil x Alemanha: 7 x1. Isso é sonoro. Não tem como passar despercebido”, sentenciou o ex-deputado.

Fabiano Lucena ainda destacou a coragem que o governador Ricardo Coutinho teve para quebrar paradigmas e imprimir um modelo de gestão mais técnica na máquina pública. “Foi Ricardo quem quebrou paradigmas e fez os enfrentamentos necessários para que a Paraíba resgatasse a capacidade de fazer investimentos. Um governo mais técnico que não deu asas ao fisiologismo”, enfatizou.

“O verdadeiro líder é aquele que tem a coragem de indicar os caminhos. Da nossa conversa, João Pessoa ganhou um parque. Jamais me arrependerei desse apoio", concluiu o ex-deputado.

Confira abaixo à íntegra do que foi postado por Fabiano Lucena nas redes sociais. Toda eleição tem um sentimento. Algo que une a maioria dos eleitores e vira consciência coletiva. O que pude extrair das conversas de rua, da fila do banco ao cafezinho do shopping, pode ser sintetizado em uma frase com duas afirmações. "Ricardo governou melhor mas é chato". Cada dia que passa, essa ideia se cristaliza na cabeça do eleitor e é muito forte. Qual das duas afirmações pesará na hora do eleitor decidir. Melhor. Chato. Eu decido pela primeira. Governar bem e, nesse caso, MELHOR que o antecessor é a maior demonstração de respeito que um governante pode dar ao seu povo. Cássio e Ricardo são grandes líderes. Tiveram a oportunidade de governar mas foi Ricardo quem quebrou paradigmas e fez os enfrentamentos necessários para que a Paraíba resgatasse a capacidade de fazer investimentos. Um governo mais técnico que não deu asas ao fisiologismo. Isso gerou um desgaste de sua imagem com setores organizados e com a classe política. Daí vem a pecha de chato. O tempo mostrou que ele tinha razão. E os políticos não tiveram capacidade de compreender os caminhos que ele apontou. As obras se multiplicaram pelo Estado e, especialmente, em João Pessoa. Comparar o que foi feito na Capital pelos dois governos é como o jogo Brasil x Alemanha: 7 x1. Isso é sonoro. Não tem como passar despercebido. O verdadeiro líder é aquele que tem a coragem de indicar os caminhos. Da nossa conversa, João Pessoa ganhou um Parque. Jamais me arrependerei desse apoio.

Vital faz carreata da renovação em Campina Grande

Na tarde deste domingo (21), a carreata do PMDB teve início em Campina Grande. A carreata comandada pelo candidato ao governo do Estado pela Coligação Renovação de Verdade; Vital do Rêgo; pelo candidato ao Senado José Maranhão e pelo candidato a deputado federal Veneziano Vital do Rêgo.

A carreata promete espalhar uma onda por toda a Rainha da Borborema. A avenida Floriano Peixoto, uma das maiores de Campina, e local da concentração, ficou tomada de um canto a outro por veículos. 

Diversas caravanas organizadas por candidatos a deputado estadual, vindas de várias cidades da Paraíba, também ajudaram na carreta, a exemplo da caravana vinda do Brejo de eleitores de Tião Gomes, do deputado Ranyeri Paulino, e de Reginaldo II de Santa Rita, entre outras lideranças políticas.

Vital do Rêgo que neste domingo celebra o seu aniversário natalício, chegou na avenida Floriano Peixoto por volta do meio dia, ao lado de José Maranhão e Veneziano Vital do Rêgo, e foi recebido pelos presentes. O senador que mais destinou recursos para Campina Grande somando os seus mandatos de deputado e senador, reafirmou a sua vontade de continuar trabalhando pela cidade.

Por volta das 12h30, a carreata partiu em meio a uma queima de fogo. Na medida em que avançava, mais caravanas se integravam a carreta. Uma queima de fogos saudou o aniversariante e os candidatos peemedebistas. A carreata vai percorrer vários bairros de Campina Grande


Para Vital, a recepção foi uma retribuição da população pelo que Vené e seu mandatos fizeram pela cidade. “O melhor presente de aniversário que recebo neste dia é a gratidão deste povo que venho espontaneamente demostrar que quer uma mudança de verdade, representada por mim, Roberto Paulino, Zé Maranhão e Veneziano e deputados estaduais leiais ao projeto de Renovação”, afirmou.

Ascom

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

Vereadores ligados a Cássio justificam decisão de apoiar candidatura de Maranhão ao Senado

Um dia após formalizaram o apoio a candidatura ao Senado do ex-governador José Maranhão (PMDB), os vereadores de Campina Grande ligados politicamente ao senador Cássio Cunha Lima (PSDB), justificaram a decisão de votarem no peemedebista.

O vereador Vaninho Aragão (DEM) disse que optou em apoiar a candidatura de José Maranhão por entender que o peemedebista é o mais preparado para conseguir recursos para Campina

Segundo ele, Maranhão já trabalhou por Campina e é o mais preparado para conseguir recursos para a cidade. - Temos benefícios aqui do governo dele, por isso estou votando nele – disse Vaninho.

Por sua vez, o vereador licenciado da Câmara de Campina Grande Hércules Lafite (PSC), garantiu que “Maranhão tem serviços prestados e isso conta muito na hora de escolher”.

Lafite que na última campanha municipal apoiou a candidatura do PMDB, disse que o ex-governador possui um histórico de serviços prestados a Campina Grande e toda a Paraíba e isso é levado em conta na hora de se fazer a escolha. - Maranhão tem serviços prestados e isso conta muito na hora de escolher alguém para representar a Paraíba – disse o parlamentar.

Por sua vez, o vereador campinense Inácio Falcão (PTdoB) ao anunciar seu apoio ao ex-governador José Maranhão, que disputa a vaga de senador da República, disse que optou pela experiência do pemedebista.

- Das candidaturas postas, o que está mais bem preparado para representar a Paraíba no Senado é o ex-governador José Maranhão – disse Falcão.

O parlamentar disse que tanto ele como os demais vereadores reconhecem o trabalho de Maranhão. Dos nove vereadores que agendaram anunciar o apoio à candidatura de José Maranhão (PMDB) ao Senado, sete confirmaram publicamente a adesão a candidatura peemedebista.

A solenidade que marcou o anúncio formal dos vereadores a campanha de José Maranhão aconteceu ontem pela manhã na Associação Campinense de Imprensa - ACI.

Pimentel Filho (Pros), Alexandre do Sindicato (Pros), Lafite (PSC), Inácio Falcão (PSL), Vaninho Aragão (DEM), Rodrigo Ramos (SDD) e Ivan Batista (Pros) participaram da solenidade de adesão ao ex-governador,

Os vereadores Nelson Gomes Filho (PRP) e Sargento Regis (PMN) não compareceram ao evento.

Ex-prefeitos bicudos trocam farpas e tucano Cássio Cunha Lima dá puxão de orelha em palanque na Zona da Mata

Diz o ditado popular que dois bicudos não se beijam, reflexão que pode ser muito bem empregada ao analisarmos o palanque montado pelo candidato ao Governo da ParaíbaCássio Cunha Lima (PSDB), na cidade de Sapé localizada na Zona da Mata paraibana.  

Segundo relatos repassados ao PB Agora, a Coligação A Vontade do Povo realizou na noite desta quarta, 17, um comício no Pátio do Mercado de Nova Brasília em Sapé e registrou a troca de animosidades entre os ex-prefeitos: Maria Luiza (PMDB) que enfrenta vários problemas na Justiça por improbidade administrativa e João da Utilar, ex-prefeito que chegou a ser preso na Operação Pão e Circo, da Polícia Federal visando desarticular um esquema criminoso criado por empresários, funcionários públicos e prefeitos para fraudar licitações e desviar recursos municipais, estaduais e federais destinados à realização de eventos festivos.  

Mesmo sendo oposição ao prefeito Roberto Feliciano (PSB), João e Luiza tentaram deixar as divergências políticas de lado, porém a paz durou poucos minutos:  A saia justa sofrida por Cássio aconteceu no instante em que o ex-governador fazia uma saudação as lideranças presentes, no instante em que citou o nome de João da Utilar, Maria Luiza puxou uma vaia que foi correspondida por correligionários, o constrangimento só foi atenuado quando Cássio parou a sua fala para dar um puxão de orelha nos presentes:  


“Eu não aceito esse tipo de atitude! As pessoas devem ser respeitadas e deixar os palanques municipais de lado, pois o nosso projeto é estadual! ’, repreendeu Cássio que esta semana teve validado o seu registro de candidatura no TSE (Tribunal Superior Eleitoral).  


O puxão de orelha foi presenciado pelo candidato ao Senado Wilson Santiago (PTB), pelo candidato a vice-governador Ruy Carneiro (PSDB), pelos deputados federais Benjamin Maranhão (SDD) e Wilson Filho (PTB), pelo candidato Pedro Cunha Lima (PSDB) e por Doutor Américo Cabral (PPS), Arthurzinho Cunha Lima (PRTB) e Jojó (DEM) que disputam mandatos na Assembléia Legislativa.  

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

Servidores da área da Saúde do Municipío de Lagoa Seca realizaram manifesto em frente da prefeitura de Lagoa Seca

Servidores da área de Saúde do Município de Lagoa Seca, no Agreste do Estado da Paraíba. realizaram um grande protesto em frente a Prefeitura Município de Lagoa Seca. mais de 300  trabalhadores da área da Saúde. irão paralisar as atividades. funcionários da área da Saúde também contou com o apoio de eleitores do atual prefeito que também fizeram manifesto.



Em meio protesto, Servidor pedem desculpa a população do Município de Lagoa Seca, por ter votado no atual prefeito José Tadeu Sales de Luna PSC. um dos funcionário concursado pega o microfone e grita, pague meu dinheiro prefeito Tadeu.



Manifestantes, nomeio o prefeito Tadeu. de o pior prefeito de Lagoa Seca. alguns pediram providencias junto a  Secretária de Saúde, e ao prefeito Tadeu do Supermercado, vale lembrar Tadeu foi eleito em 2012 apoio pelo ex - vice - prefeito, Nelson Anacleto  PT, hoje atual presidente da Câmara Municipal de Lagoa Seca,  foi apoiado pelo ex - prefeito, Bola Coutinho PMDB.



Entenda porque foi realizada a manifestação, de todos Trabalhadores de toda categoria da Saúde Pública de Lagoa Seca. segundos os funcionários da Saúde, o prefeito Constituinte José Tadeu Sales de Luna PSC. não quer fazer o pagamento do PMAC - Programa Nacional de Melhoria do Acesso da Qualidade da Atenção Básica.

Pedro Cunha Lima mira na educação e na saúde como bandeiras de campanha

Candidato a deputado federal pelo PSDB, o jovem Pedro Cunha Lima usou as redes sociais nesta quarta-feira (17) para defender algumas de suas propostas – investimento na Educação e na formação permanente de profissionais da saúde. Na postagem, o parlamentar que tenta o seu primeiro mandato, diz que quer lutar por uma escola pública renovada por dentro.


“Vamos lutar por uma escola pública renovada por dentro, mais humanizada e mais humanizadora, que atenda às necessidades das crianças, dos jovens e dos adultos. Em defesa de um currículo nacional inovador, para que a escola faça a diferença na vida dos alunos”, postou.


A formação permanente dos profissionais da saúde  também é outra proposta de Pedro. Segundo ele, essa formação é fundamental para o aprimoramento dos serviços oferecidos à população.


"É preciso fortalecer os processos de aprendizagem permanente e as práticas inovadoras no diagnóstico, na prevenção e no tratamento das doenças. Defendemos um plano nacional de capacitação voltado para a atenção básica", destacou.


O tucano é filho do senador Cássio Cunha Lima e neto do poeta Ronaldo Cunha Lima. Com a política correndo no sangue, assim como o pai e o avô, Pedro diz que quer fazer a diferença. O jovem é formado em Direito, com mestrado na mesma área.

TSE deverá julgar nesta quinta-feira (18) o recurso do PMDB que pede impugnação da aliança com PT/PSB na Paraíba

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) deverá julgar nesta quinta-feira (18) o recurso do PMDB que pede a impugnação da aliança PT/PSB na Paraíba para as eleições do próximo mês.
Às vésperas do pleito de 5 de outubro, a expectativa agora é saber se o entendimento do relator Luiz Fux alterará ou não o rumo das eleições deste ano, na chapa majoritária encabeçada pelo governador Ricardo Coutinho (PSB).
Na ocasião, a Direção Nacional do PT quis anular a convenção estadual acordada pela coligação PT/PSB. A Nacional alega que a prioridade seria a aliança com o PMDB e que o candidato a governador do Estado seria o senador Vital do Rêgo  Filho.
A decisão do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba foi de manter a aliança, o que confirmou a coligação A Força do Trabalho, que tem como candidato à reeleição o governador Ricardo Coutinho (PSB) e como candidato a senador Lucélio Cartaxo (PT).
O julgamento está na pauta do Tribunal Superior Eleitoral. Para acompanhar, acesse:http://www.tse.jus.br/servicos-judiciais/pautas-de-julgamento

Suplente aposta na vitória de professor e carteiro e rejeição de “endinheirados” na disputa pelo Senado Federal na PB

O presidente estadual do PSOL e primeiro suplente de senador, Fabiano Galdino voltou a afirmar que se orgulha de integrar a chapa de seu partido ao senado, encabeçada pelo professor Nelson Junior.

Durante panfletagem e diálogos com populares no Costa e Silva, o suplente Galdino disse na manhã desta quarta-feira que sua candidatura e a de Nelson Junior se contrapõem aos que são candidatos do dinheiro e da compra de votos.


Carteiro de João Pessoa há onde anos e estudante de Direito da UFPB no 6º período, Galdino afirmou também que tem recebido manifestações de apoio, porque representa a figura do político simples e a confiança de quem já presta um bom serviço como empregado público. “Quero ajudar a transformar a política em uma atividade a serviço das comunidades. Sou carteiro e convivo diariamente com uma realidade que os políticos, de modo geral, nunca quiseram enfrentar”, disse.

“Enquanto entrego cartas, assisto uma população carente de ações do poder público.

Os atuais senadores da Paraíba concentram tempo e energias para a luta pelo poder em favor de seus interesses e dos grupos a que pertencem”, disse,acrescentando que “Quem vota no carteiro, vota no professor”, recebendo apoios de algumas pessoas, que diziam: “pode contar comigo”.

O presidente do PSOL criticou os concorrentes de Nelson Junior, ao declarar que, ”ao contrário de José Maranhão, Wilson e outros, queremos voltar nossas energias no parlamento em favor dos jovens paraibanos”.

O carteiro Galdino defendeu uma maior atenção do país com sua juventude. “O país mudará se voltar suas prioridades para o futuro da juventude. Confio que o candidato ao senado, professor Nelson Junior (PSOL) terá a mesma sensibilidade que tenho em relação à situação precária da juventude de João Pessoa, especialmente”, afirmou.

“No senado, o professor e o carteiro terão um mandato em favor da juventude e da cidadania política. As pessoas vão preferir o professor e o carteiro e rejeitarão esses políticos do dinheiro e da compra de votos, que sempre se esqueceram de fazer o certo e transformaram seus mandatos em coisa de família e de grupos políticos tradicionais”, ressaltou.

Givanildo Oliveira praticamente joga a toalha e diz que Treze agora briga para não cair

Acostumado a vencer, o técnico do Treze Givanildo Oliveira não acredita mais na classificação do Galo para a fase seguinte da Série C do Campeonato Brasileiro. Após o empate por 1 a 1 com o CRB, ontem, em Campina Grande, o técnico do Treze galista praticamente jogou a toalha em relação às chances de classificação da equipe para o mata-mata da competição.

As chances do alvinegro avançar de fase ficaram mais distante depois do novo empate dentro de casa, conforme observou o próprio Givanildo Oliveira. Na oitava posição do Grupo A, com 16 pontos, cinco atrás do Salgueiro, o quarto colocado, o Galo precisa vencer as três partidas restantes e torcer por uma combinação de resultados para passar de fase.

A tabela do Alvinegro marca para as próximas duas rodadas jogos longe de casa, contra Fortaleza e Paysandu. A última peleja do Treze no Grupo A é contra o Salgueiro, no Presidente Vargas, dia 4 de outubro, véspera das eleições. Ao analisar os números da competição, o treinador galista disse que o alvinegro precisa ficar em alerta para não cair para a Série D. O próximo passo da equipe segundo ele, é fugir de vez da temida zona de rebaixamento, para depois pensar na possibilidade de conquistar a classificação e manter vivo o sonho da Série B.

- A gente tem que analisar os números. É essa a situação que a gente tem que encarar e brigar para se afastar da zona de rebaixamento. Pela situação que estamos, a não ser que aconteça uma combinação de resultados muito improvável, pela pontuação que nós temos já está muito longe do grupo da frente. Nós temos que ter cuidado porque são dois jogos fora de casa e se perder vamos ficar muito para trás. Agora é trabalhar para pelo menos fazer que o Treze permaneça na Série C - disse Givanildo.

O Galo volta a campo na próxima segunda-feira (22), às 21h30, contra o Fortaleza, no Castelão. O time se reapresentou nesta terça-feira no Presidente Vargas, já visando a próxima peleja da competição.

Severino Lopes 

Candidatura de Cássio Cunha Lima ao governo da Paraíba é liberada pelo TSE

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) considerou que o senador Cássio Cunha Lima (PSDB), candidato ao governo da Paraíba nas Eleições 2014, é elegível. A liberação para a candidatura do tucano foi tomada na sessão da noite desta terça-feira (16), quando seis dos sete ministros da Corte optaram por rejeitar o recurso contra a decisão do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB), que já havia liberado Cunha Lima para concorrer nas Eleições 2014.

O processo começou a ser julgado na última quinta-feira (11), mas a decisão foi adiada para esta terça-feira por pedido de vista da ministra Luciana Lóssio. Antes da interrupção, o relator do processo, ministro Gilmar Mendes, negou provimento ao recurso ao entender que o 2º turno não configura uma nova eleição propriamente dita, concluindo que a data do primeiro turno é o marco para decisões referentes ao pleito em questão, assim, o prazo para inelegibilidade estaria exaurido em 5 de outubro de 2014 e o senador Cássio Cunha Lima estaria apto a concorrer ao pleito deste ano. Isto porque o primeiro turno das eleições de 2006 ocorreu em 1º de outubro.

Além de Gilmar Mendes, os ministros Dias Toffoli, João Otávio Noronha e Tarcísio Vieira de Carvalho também negaram provimento ao recurso já na última quinta-feira. Na sessão desta terça-feira, após a análise do processo, a ministra Luciana Lóssio acompanhou o relator e votou pela liberação da candidatura, embora ainda tenha levantado questionamentos quanto ao prazo a ser contado para determinar a inelegibilidade. O ministro Luiz Fux também votou nesta terça-feira e seguiu o entendimento do relator. Apenas a ministra Maria Thereza de Assis Moura votou pela inelegibilidade de Cunha Lima.


Defesa e acusação

Durante a sustenção oral, na última quinta-feira, o advogado de defesa de Cássio, Eduardo Alckmin considerou que o período de inelegibilidade começa no primeiro turno das eleições de 2006, ocorrido no dia 1º de outubro daquele ano. Desta maneira, nas Eleições 2014, cujo primeiro turno ocorrerá em 5 de outubro, o prazo de oito anos de inelegibilidade já terá se encerrado.

A tese defendida pelos advogados dos recorrentes foi de que Cunha Lima teria sido cassado no segundo turno das Eleições de 2006, tornando o senador inelégivel no primeiro turno das eleições deste ano,quando ainda não teria transcorrido o prazo de oito anos de perda dos direitos políticos, como prevê a Lei da Ficha Limpa."Cássio Cunha Lima foi eleito no segundo turno e não há como afastar isso. Ele foi diplomado, empossado e chegou a exercer seu mandato antes de cassado", disse a advogada Gabriela Rollemberg.

Julgamento do TRE

Em julgamento no dia 4 de agosto, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) liberou a candidatura do senador Cássio Cunha Lima ao Governo do Estado. O julgamento terminou em 5 a 1 pela liberação da candidatura. Durante o voto, o relator do processo, o juiz federal Rudival Gama, considerou que o período de inelegibilidade começa no primeiro turno das eleições de 2006, ocorrido no dia 1º de outubro daquele ano.

"Na data da eleição de 2014, o prazo de inelegibilidade terá cessado", afirmou, ao considerar que o segundo turno não é uma nova eleição, mas apenas um pleito complementar. O relator foi acompanhado pelo corregedor Tércio Chaves, pelo juiz Silvio Porto, pelo juiz Breno Wanderley e pelo juiz Eduardo José Soares.

NEM CAVEIRA TEM: Prefeito de Lagoa Seca anuncia Construção de uma nova Creche Infantil em Lagoa Seca

Durante evento realizada neste ultimo domingo (14) em Lagoa Seca, no Agreste do Estado da Paraíba. Assessoria da equipe do atual prefeito José Tadeu Sales de Luna PSC. anunciou uma Construção de uma Creche Escolar que será Construída no bairro São José.




O evento que era para ser apenas, para os alunos das redes de ensino fundamental  e médio. e para todo público assistir o desfila neste ultimo domingo (14), serviu também para comunicar a Construção de uma nova Creche em Lagoa Seca. vale lembrar caros leitores deste blog. que ainda não existe nem o esqueleto dessa Construção. e se for mesmo Construída que vem, afinal o prefeito foi eleito para trabalhar em prol de toda População de Lagoa Seca. 



Foi anunciado a Construção, mais você sabe onde será Construída essa Creche em Lagoa Seca, pois é, tem certa coisas que  é melhor ser contada em piada. Em ano eleitoral prefeito promete Construir mais não divulgou a data. 



Prefeito de Lagoa Seca comete uma grande gafe durante desfile em Praça Pública

Foi realizado neste ultimo domingo (14), no Município de Lagoa Seca, no Agreste do Estado da Paraíba. o desfile cívico do Município. durante o evento prefeito José Tadeu (PSC). paga maior mico.




O desfile cívico de Lagoa Seca, foi realizada neste ultimo domingo (14). o evento estava previsto para acontecer as 2hs da tarde. com um grande atraso de mais de 2 horas. O desfile aconteceu por volta das 4hs da tarde. uma cena chamou atenção de todos que estavam naquele evento, o prefeito José Tadeu PSC foi chamado para segurar a bandeira, na hora de segurar  a bandeira o prefeito em vez de segurar a bandeira de Lagoa Seca, prefeito segura a bandeira do Brasil.



Outro erro, cometido. A Coordenação do Desfile de Lagoa Seca, cometeu total erro. com mais de 2 horas de atraso, a equipe do evento. pediu em voz alto. no Microfone da Sorte, para que os donos das motos, carros. que tirassem suas motos e carros. da frente do Salão Paroquial. 

terça-feira, 16 de setembro de 2014

Ricardo nega críticas à presidente Dilma e culpa imprensa por “distorcer” declarações

A polêmica em torno das declarações do governador Ricardo Coutinho (PSB) em relação ao Governo Dilma, no último sábado (13), em Campina Grande, durante a visita da presidenciável Marina Silva (PSB) continuam gerando repercussão.

Nesta terça-feira (16), durante solenidade no Palácio do Governo para assinatura de decreto, indagado pela imprensa, o governador negou que tivesse criticado a gestão da petista e acusou setores da imprensa de distorcerem e maximizarem suas declarações para gerar “fofoca” e “fuxico”.

O primeiro a questionar o governador foi o repórter do programa radiofônico Correio Debate, Albermar Santos, que inicialmente indagou o chefe do executivo sobre a aparição da presidente Dilma no guia de Vitalzinho após as criticas do socialista ao Governo Federal.

“Eu não tenho que avaliar nada, eu acho que o PMDB a apóia tal qual o PT. Ela vai pedir voto aonde? Tem que pedir votos mesmo, eu acho legitimo que o PT tenha a sua candidatura e acho legitimo que o PSB tenha a sua candidatura, eu não admito patrulhamento em relação a isso”, disse.

O repórter do sistema Correio insistiu e indagou: O senhor vai continuar atacando o governo Dilma Rousseff?

Ricardo Coutinho reagiu: “Mas quem foi que disse a você que eu ataquei? Quem foi que disse a você, você ouviu isso aonde?”, retrucou Coutinho ao repórter, que treplicou: “Nas suas declarações em Campina Grande governador”.

Ricardo Coutinho então negou que tivesse criticado o Governo Dilma e atacou setores da imprensa por tentarem criar factóides.

“Mas quais foram às declarações? Eu não dei nenhuma declaração em Campina Grande, para você ter uma idéia, você faz uma pergunta, meu caro Albemar, sem conhecer o conteúdo. Você foi em busca de um blog, de um site, que todo mundo sabe a quem serve e que tentou me servir e eu não quis e esse meio de comunicação deturpou tudo que foi dito e que simplesmente quis fazer a velha fofoca, o velho fuxico”, disparou o governador .

Um jornalista, de outra emissora, insistiu e lembrou que o governador chegou a criticar o PIB e a política do medo que estaria sendo adotada pelo Governo Dilma. Ricardo então, novamente, reagiu: “Você está satisfeito com o PIB? Pergunte a presidente Dilma se ela está satisfeita com o PIB. Eu ouvi declarações no guia que ela não está satisfeita. Vocês estão tentando criar uma polêmica, vocês estão maximizando esse assunto porque estão no intuito de buscar a intriga e a fofoca e vocês não vão me atrair para o meio disso”, avisou.

O governador disse que não criticou, apenas disse o obvio. “Naturalmente eu fui dizer o obvio ou você acha que 0,99% é um PIB considerável para o Brasil desse tamanho. Pergunte a Dilma se ela está satisfeita, porque eu já ouvi declarações dela dizendo que ia melhorar e só se melhora aquilo que não se está satisfeito”, falou.

Na solenidade desta manhã o governador assinou dois decretos. Um cria um parque estadual das trilhas dos cinco rios e o segundo cria um grupo de trabalho para melhorar a qualidade de vida das pessoas atingidas por barragens.

Ex - Aliado do prefeito Tadeu do Supermecado PSC detona prefeito nas redes sociais

Ex - Pré - candidato a vereador, residente e domiciliado no Município de Lagoa Seca, no Agreste do Estado da Paraíba. Erivaldo Euclides PP. Val da Vila Florestal é Agente Comunitário de Saúde. nas eleições municipais de 2012 Val da Vila  pretendia concorrer a uma vaga na Casa Napoleão Coutinho.


Mais uma vez, A liderança da Vila Florestal, cobra iniciativa do atual prefeito de Lagoa Seca, empresário José Tadeu Sales de Luna PSC. Tadeu foi eleito em Lagoa Seca, apoiado pelo presidente do PSC, Ednaldo Araújo "Pessoa do Amaragi". pelo ex - prefeito Bola Coutinho PMDB. e  o ex - vice - prefeito Nelson Anacleto PT.


O Agente de Comunitário de Saúde, Val da Vila Florestal, na sua pagina social faz duras criticas ao prefeito Tadeu do Supermercado PSC. a  Vila Florestal foi fundada a mais de 19 anos. hoje a Vila tem cerca de 300 família morando no local. O Lar dos Garotos fica localizada na Vila Florestal, como também a  UEPB - Lagoa Seca. 

segunda-feira, 15 de setembro de 2014

Mesmo com negativa de Djanilson, líder de Cartaxo na CMJP confirma saída do parlamentar da base


O líder da bancada governista na Câmara Municipal de João Pessoa o vereador Marco Antonio (PPS) confirmou a informação divulgada pelo PB Agora nesta segunda (15) dando conta que o vereador Djanilson da Fonseca (PPS) está desligado da bloco situacionista na Casa de Napoleão Laureano, em face de divergências políticas.  

“Há procedência, o vereador Djanilson ele tem preferido marchar com uma postura de independência, eu particularmente lamento pois é um colega de partido no PPS e vamos respeitar a postura dele”, contou Marco Antonio, ao comentar a situação de "Faca Cega", que tem a sua esposa Leila Fonseca (PROS) como candidata ao Senado em discordância com a postulação de Lucélio Cartaxo (PT).

“Na realidade o que aconteceu foi relacionado a política administrativa”, pontuou o líder.  

Já o vereador Djanilson Faca Cega negou ter sido retaliado por conta da postura da sua esposa.  
da Fonseca contou que não foi comunicado pelo prefeito Luciano Cartaxo (PT).  

“Eu avalio com tranqüilidade e não houve nenhum desgaste com Luciano Cartaxo e a minha postura é de fazer o certo por João Pessoa e desconheço essa fala de Marco Antonio”, disse Djanilson.  

“A campanha de Leila foi lançado primeiro que Lucélio que era candidato a deputado federal e Luciano sempre me respeitou e não acredito que irei para bancada de oposição e continuarei trabalhando”, frisou.


domingo, 14 de setembro de 2014

Moradoras do bairro Carecão em Lagoa Seca pedem providencias ao prefeito de Lagoa Seca

Moradores do Bairro Monte Alegre, em Lagoa Seca, no Agreste do Estado da Paraíba. reclamam por falta de atenção por parte da Prefeitura Municipal. cerca de duas jovens residente e domiciliada ao bairro no Monte Alegre conhecido  pela população por "Carecão". pediram providencias ao prefeito pela rede social via facebook.



As jovens Monalisa Silva, e  Rayssa Nascimento postaram uma foto em suas paginas sócias. pedindo que o prefeito e os Órgãos públicos tomassem providencias. até o momento segundo elas, não foi atendido os pedidos de todos moradores do bairro Monte Alegre.

sábado, 13 de setembro de 2014

Liderança da Vila Florestal em Lagoa Seca Erivaldo Euclides PP vai as redes sociais e pede providencias ao prefeito de Lagoa Seca

Liderança da Comunidade Vila Florestal, localizada no Município de Lagoa Seca, no Agreste do Estado da Paraíba. O Agente Comunitário de Saúde, Erivaldo Euclides (sem partido). junto os moradores da Vila Florestal. pedem providencias ao prefeito de Lagoa Seca, José Tadeu Sales de Luna (PSC).




Erivaldo Euclides é Agente Comunitário de Saúde, atualmente é filiado ao PP - Partido Progressista, apoio nas eleições municipais de 2012 o empresário José Tadeu Sales de Luna PSC para prefeito em Lagoa Seca,  Wal Florestal como conhecido por toda população daquela area, foi pré candidato a vereador, mais não concorreu as eleições naquele ano, devido o seu partido ter participado de outra coligação partidária.



A Vila Florestal, em Lagoa Seca foi fundada a mais de 20 anos.  hoje existe cerca de 300 família morando naquela região, outra região vizinha de lá, é a  Vila Ypuarana, fica distante apenas por 7 minutos. Wal e seu irmão Erinaldo  divulgou hoje nas redes sociais via facebook, a real situação da Vila Florestal

sexta-feira, 12 de setembro de 2014

Vejam quem tem direito ao PMAC - Programa Nacional de Melhoria do Acesso da Qualidade da Atenção Básica Servidores de Lagoa Seca

Os Profissionais na área de Saúde do Município de Lagoa Seca, no Agreste do Estado da Paraíba. resolveram  em Assembleia fazer  paralisação na próxima quarta - feira, (17).



O motivo da paralisação profissionais na área de Saúde, é que o atual  prefeito do Município de Lagoa Seca, não quer efetuar o pagamento do PMAC - Programa Nacional de Melhoria do Acesso da Qualidade da Atenção Básica.


O que é PMAC ?, É Programa de valorização dos servidores da área de Saúde. com o objetivo de estimular e valorizar a todos da área da Saúde em Geral. é um valor repassado com acordo avaliação semestral de cada equipe,  e de acordo de nível de pontuação é repassada para cada equipe o valor de 2.360,00 por equipe. e na pontuação a nível máximo o valor corresponde há, 11.800,00.


Veja quem tem direito ao PMAC - Programa Nacional de Melhoria do Acesso da Qualidade da Atenção Básica,  Médico, Enfermeiro, Técnico de Enfermagem, Agentes Comunitários de Saúde, Cirurgião Dentista, Técnico de Saúde Bucal (TSB), Auxiliar de Saúde Bucal (ASB).


Cerca de 60 Agentes Comunitário de Saúde, estiveram hoje na reunião de reivindicações dos direitos da categoria dos ACS, na ocasião também marcaram presença, os vereadores Edvaldo Bode PT, Iran Stênio PRP, Tete de Afonso DEM, e  Diego do Veleiro PMDB.



BOMBA : Ex - prefeito do Municipio de Lagoa Seca Dr. Gilvando Carneiro Leal foi condenado hoje por Improbidade Administrativa pelo CNJ

O CNJ - Conselho Nacional de Justiça, condenou na manhã desta sexta - feira, (12) 26 ex-  prefeitos, entre os condenados consta o nome do ex - prefeito do Município de Lagoa Seca, No Agreste do Estado da Paraíba. Dr. Gilvando Carneiro Leal PTdoB.



O CNJ - Conselho Nacional de Justiça, condenou o ex - prefeito de Lagoa Seca, Dr. Gilvando Carneiro Leal PTdoB. o ex - prefeito  foi julgado por Improbidade Administrativa, e crimes contra Administração Pública.




Gilvado Carneiro Leal, PTdoB. foi vice - prefeito e prefeito do Município de Lagoa Seca 1996 a 2000. foi aliado histórico do ex - prefeito Dr. Edvardo Herculano de Lima PSDB. nas eleições municipais de 2012, Dr. Gilvando Carneiro Leal foi cotado para ser vice - prefeito na chapa liderado pelo empresário e hoje prefeito José Tadeu Sales de Luna PSC.


Com essa situação, O ex - chefe executiva de Lagoa Seca, Dr. Gilvando Leal PTdoB  perde novamente o sonho de ser candidato a vice -prefeito nas eleições de 2016. na vida nada nós surpreende.

Vereadora mais votada em Patos anuncia apoio à reeleição de Ricardo

Mais uma liderança política do município de Patos, o quinto maior colégio eleitoral do Estado, anunciou adesão à reeleição do governador Ricardo Coutinho (PSB). Nesta sexta-feira (12), foi a vez da vereadora Lucinha Peixoto (PCdoB), a mais votada nas eleições de 2012. A parlamentar esteve reunida com Ricardo em João Pessoa e garantiu que nos próximos 24 dias vai botar o bloco na rua e trabalhar dia e noite para garantir um mandato de mais quatros anos para o socialista.
A vereadora Lucinha disse que a decisão de apoiar Ricardo Coutinho deve-se a certeza de que é o socialista representa o melhor gestor para conduzir os destinos de Patos e da Paraíba. “Ricardo precisa de mais tempo para consolidar o seu trabalho que vem sendo realizado em Patos, como a abertura do Rodoshopping, a construção da ponte da Batalha, o Hospital de Oncologia, a implantação do sistema adutor Patos-Assunção, além das estradas que estão interligando a nossa região”, justificou a parlamentar, que na Câmara Municipal de Patos, integra a bancada de sustentação da prefeita Francisca Mota (PMDB).
O encontro entre a vereadora Lucinha e o governador Ricardo Coutinho contou ainda com as presenças do presidente estadual do PCdoB na Paraíba, Simão Almeida, e do secretário de Juventude da Prefeitura de Patos, Marcelo Lima, que na ocasião também anunciou o apoio da União da Juventude Socialista (UJS) de Patos à reeleição do governador do PSB. “A Juventude quer Ricardo e o fim do retrocesso de Cássio”, disparou.

ENFADADO: candidato ao Governo da Paraíba se diz cansado com grande número de promessas

O candidato ao governo da Paraíba, o deputado federal Major Fábio (PROS) voltou a criticar seus adversários Cássio Cunha Lima (PSDB) e Ricardo Coutinho (PSB) que estão em primeiro e segundo lugar, respectivamente na consulta popular e reclamou do grande numero de promessas apresentadas na campanha eleitoral.


Dizendo que não existem propostas para o turismo e para os demais setores no estado, Major Fábio centrou fogo nas promessas características de inúmeros projetos.


“Falaram em concursados aqui e me lembro que foi publicado no Governo Cássio um edital dos policiais civis e ate agora seis anos depois esses concursados por determinação judicial estão fazendo os cursos,a conversa foi uma e a pratica foi outra!”, disparou.


Segundo o Major Fábio diversas promessas foram feitas com naturalidade e sem a devida preocupação com a eficácia do que foi dito.


“Infelizmente tudo que foi prometido fica só na promessa: a questão do PCCR dos policiais, a questão dos cinco mil policiais que foi prometido. Eles prometeram fazer concursos todos os anos mas infelizmente estamos vendo aqui um concurso de promessas e temos que apresentar coisas que depois possamos cumprir”, frisou.


As declarações foram feitas no Debate promovido pela TV Clube/ BAND.

Raniery Paulino evita críticas, mas cobra posicionamento da executiva sobre adesão de Tatiana a RC

Depois do senador Vital do Rêgo, de ex-prefeito Veneziano e do deputado estadual Trócolli Junior, agora foi à vez do deputado estadual Raniery Paulino se manifestar sobre a surpreendente adesão da médica Tatiana Medeiros (PMDB) ao projeto de reeleição do governador Ricardo Coutinho (PSB).

Apesar de não querer fazer nenhuma critica pontual à postura da colega de legenda, Raniery foi mais além e cobrou da executiva estadual um posicionamento sobre a suposta infidelidade partidária para que sejam tomadas as medidas cabíveis,

“As vezes temos problemas internos. Em todos os partidos acontece isso. Eu também tenho meus problemas partidários internos. Não estou totalmente satisfeito, porém se nós peemedebistas verdadeiros não apoiarmos o partido, ficará mais difícil”, afirmou Raniery Paulino.

Entenda:


Tatiana Medeiros foi escolhida a candidata do PMDB em Campina Grande na disputa pela prefeitura municipal, nas eleições de 2012. A médica era politicamente ligada aos irmãos Veneziano Vital do Rego e o senador e candidato a governador, Vital do Rego.

Entretanto neste pleito de 2014, ao que tudo indica, Tatiana não depositou expectativa em torno da possibilidade do PMDB passar do primeiro turno e antecipou seu anúncio de adesão à reeleição do atual governador Ricardo Coutinho, que desponta em segundo lugar nas pesquisas, em detrimento à candidatura de Vital do Rego de seu partido, que aparece em terceiro.

O Portal PB Agora relembra pelo menos um episódio que evidenciou um clima de acirramento entre os dois políticos Aliados políticos nas eleições 2014, a médica e candidata a Assembleia Legislativa Tatiana Medeiros (PMDB) e o governador Ricardo Coutinho (PSB) já trocaram declarações contundentes na imprensa, chegando a provocar grande repercussão no meio político.

Em 2011 ao assumir a secretaria de Saúde da Prefeitura de Campina Grande, Tatiana Medeiros, provocou a primeira polêmica contra o socialismo: Em entrevista a imprensa, logo após sua posse, ela mandou primeiro o governador Ricardo Coutinho (PSB) “cuidar de seu quintal”.

Tatiana se referia aos PSF’s da capital paraibana. Segundo ela, 40 deles não têm médicos. “Isto aconteceu na época em que ele era prefeito de João Pessoa. Entãoantes de qualquer coisa ele tem que cuidar primeiro do seu quintal”, disparou mandando um recado para o ‘Mago’. PB Agora

terça-feira, 9 de setembro de 2014

Troco? Adriano Galdino apoia José Maranhão e gera desconfianças no PT


O deputado estadual Adriana Galdino (PSB), candidato à reeleição declarou nesta terça-feira (9), o seu apoio à candidatura do ex-governador José Maranhão (PMDB). Este fato, por si só, não geraria maiores problemas numa eleição que está marcada por uma intensa salada de alianças desde o início.


Ocorre que, com o nível de (des)confiança de correligionários de ambos os lados da campanha governista, está cada vez mais difícil controlar as opções partidárias de cada grupo. É bom lembrar que teve o fato do apoio do vice governador Rômulo Gouveia, rompido com o governador Ricardo Coutinho desde as convenções e que, talvez, seja este apenas um troco.

Filiado ao PSB, Adriano Galdino era um aliado histórico do senador Cássio Cunha Lima e decidiu-se pelo apoio à reeleição de Ricardo Coutinho, inclusive tendo o seu nome sugerido para assumir a liderança do governo na Assembléia Legislativa, com a saída do antigo líder Hervázio Bezerra. Daí, acreditam alguns petistas contrários à aliança com o PSB, é bastante improvável que o PSB não controle os seus integrantes neste tipo de decisão.
Alguns dias atrás, a petista Nadja Palitot declarou apoio a Cássio Cunha Lima, mas antes, ela licenciou-se do partido. No fundo, talvez o que os petistas aguardam, é apenas que o governador se pronuncie e repudie a falta de apoio pelo fato de um componente do PSB declarar apoio para uma adversário. A não ser que ele tenha ido a pedido, no caso, mandado.

Candidato ao Senado Nelson Junior e presidente estadual do PSOL - PB Fabiano Galdino visitou na semana passada a cidade de Lagoa Seca



Na  semana passada, O presidente estadual do PSOL - Partido Socialismo e Liberdade, Fabiano Galdino visitou Lagoa Seca, no Agreste do Estado da Paraíba,  na companhia do candidato a Senador da Paraíba. Nelson Junior. 



O atual presidente do PSOL da Paraíba. junto com o candidato a Senador Nelson Junior, e Silvio Calaço membro da executiva estadual do PSOL esteve na semana passada visitando a cidade de Lagoa Seca.  O candidato ao Senado visitou a residencia do jovem blogueiro Fabiano Moura, onde falou durante 40 minutos seus projetos para todos Paraibanos. 


Nelson Junior, foi filiado ao PT - Partido dos Trabalhadores durante 10 anos. nas eleições estaduais de 2010 concorreu ao Palácio da Redenção.  "Nelson"  obteve 12.440 votos para Governador da Paraíba.


O jovem Fabiano Moura, apoia para Senador em Lagoa Seca, Nelson Junior, vale lembrar  Fabiano Galdino é presidente do PSOL - PB, e é candidato a primeiro suplente de Senador nestas eleições de 2014.

Deputado do PMDB defende saída de Tatiana Medeiros da legenda

O clima entre os membros do PMDB paraibano está cada dia mais tenso. Nesta terça-feira (09), por exemplo, foi à vez do deputado estadual Trócolli Júnior (PMDB) defender a saída da médica Tatiana Medeiros (PMDB) dos quadros do partido. É que Tatiana, na última semana, surpreendeu a todos ao deixar a candidatura da legenda para anunciar apoio à reeleição do governador Ricardo Coutinho (PSB).


Segundo o deputado, se a médica não estava satisfeita com os preceitos definidos pela diretoria, deveria pedir para sair, antes de se aliar ao candidato adversário. Trocolli chegou a citar o caso da deputada estadual Iraê Lucena como exemplo. Iraê deixou o PMDB e se filiou ao PSDB. “Iraê teve outra postura. Ela não se identificava mais com o PMDB e resolveu deixar o partido e seguir outro caminho, relatou.

Apesar de defender a saída de Tatiana, o parlamentar deixou claro que não comunga com “caça às bruxas” no partido, mas sim que a própria Tatiana peça pra sair.

“Não sou favorável à caça às bruxas, mas entendo que uma aliança entre PMDB e PSB seja incompatível. A população está de olho nas notícias da imprensa e se lembra das críticas que a candidata Tatiana já fez ao governo atual. Cada um é responsável por seus atos, mas ela deveria deixar o partido se não estivesse satisfeita e não se aliar a Ricardo Coutinho”, afirmou o deputado ao ser questionado se era a favor de uma punição pelo partido nesse caso.


Após saída de Inaldo Leitão, veja quem são os favoritos para representar o Governo Luciano Cartaxo em Brasília


Após o ex-deputado federal Inaldo Leitão ter entregue ao prefeito Luciano Cartaxo (PT) o cargo de secretário de Acompanhamento da Prefeitura Municipal de João Pessoa, em Brasília, sob a alegação de não seguir a orientação política do petista, diversos nomes estão sendo cotados para ocupar o posto na Capital Federal. O Portal PB Agora obteve algumas informações de bastidores e dão conta que quatro nomes despontam como favoritos para suceder Inaldo Leitão.

O primeiro nome que foi lembrado foi o do ex-deputado federal Edme Tavares que tem larga experiência em Brasilia, vindo a ser tio do atual secretário Diego Tavares. Edme já havia atuado na Articulação Governamental durante o governo Cássio Cunha Lima e José Maranhão (PMDB).


Outro nome forte para ocupar o posto é o ex-deputado federal Philemon Rodrigues que também tem grande influência em Brasília. Philemon tem forte liderança no Vale do Mamanguape e sonha em retornar ao mundo político local emplacando o posto.


Informações também dão conta que dois agentes políticos podem indicar aliados: o primeiro é o vice-governador Rômulo Gouveia (PSD) que disputa uma cadeira na Câmara Federal e pode receber a secretaria em face do apoio da legenda a candidatura de Lucélio Cartaxo (PT) ao Senado, alguns nomes já foram levantados como o do ex-assessores parlamentares de Gouveia que se chamam Walfrido e Eduardo.



Correndo por fora surge a noticia de que o vice-prefeito de João Pessoa e presidente do PPS Nonato Bandeira pode referendar o nome do seu chefe de Gabinete Adauto Fernandes, numa clara sinalização de realinhamento com o projeto de reeleição de Cartaxo, o PB Agora tomou conhecimento de que uma reunião está agendada para esta terça (10) em local não revelado e contará com a presença de Nonato, Lucélio Cartaxo e Pedro Cunha Lima (PSDB) para discutir o cenário político local.





sexta-feira, 5 de setembro de 2014

Plebiscito Popular continua até domingo em 70 cidades da PB; JP tem 83 locais de votação

“Você é a favor de uma constituinte exclusiva e soberana sobre o sistema político?”. Essa é a pergunta feita até o próximo domingo, 7 de setembro, em vários municípios do país através de um plebiscito popular. Na Paraíba, mais de 600 urnas estão espalhadas em cerca de 70 municípios. Só na capital, são 83 locais de votação, incluindo a Lagoa, Ponto de Cem Réis, Terminal de Integração e Universidade Federal da Paraíba.

O Plebiscito Popular é um movimento realizado por mais de 350 entidades de todo o país - entre elas partidos políticos, movimentos sociais, organizações da sociedade civil e pastorais – que querem mudar o sistema político do Brasil a partir de uma nova Constituinte.

O resultado da votação será entregue às autoridades e poderes da República, em Brasília, a fim de pressionar o governo e o Congresso sobre a necessidade de uma nova Constituição que substitua a de 1988. Para votar, basta se dirigir a algum dos locais de votação portando um documento com foto.

A votação teve início na última segunda-feira em pontos fixos e volantes. Os interessados também podem votar online, através do site mudarojogo.org. Na Paraíba, a meta é de 300 mil assinaturas. “Estamos confiantes, já que superamos a meta em número de urnas, que era de 500”, afirmou o secretário estadual da campanha na Paraíba, Marcos Freitas.

De acordo com o secretário estadual da campanha, a ideia de renovar a Constituição surgiu a partir de uma percepção de que todas as principais bandeiras dos movimentos sociais esbarram no Congresso Nacional e que para solucionar os problemas fundamentais da sociedade, como educação, saúde, moradia, transporte, terra e trabalho, é preciso não só mudar as pessoas que estão no Congresso, mas as “regras do jogo”, através de um novo Sistema Político Brasileiro.

Para Marcos, o Congresso e seus parlamentares não representam a pluralidade do povo brasileiro. Ele afirma que 70% do Congresso é formado por fazendeiros e empresários, enquanto a maioria da população é camponesa e trabalhadora, e que apenas 9% são mulheres, enquanto a metade da população é mulher. Ele também destaca que os candidatos eleitos têm um gasto de campanha consideravelmente maior que os não eleitos, demonstrando um dos fatores do poder econômico nas eleições.

Segundo Marcos, o plebiscito representará um avanço na democracia direta. “É uma ferramenta da pedagogia de massa. Ao contrário das eleições, que a cada dois anos deseduca o povo no que se refere à política, com o Plebiscito será possível manifestar o desejo popular por uma Constituinte Exclusiva e Soberana, composta por cidadãos eleitos exclusivamente para mudar de fato o sistema político, garantindo uma maior representatividade e participação popular na política brasileira”, afirmou.

quinta-feira, 4 de setembro de 2014

SONHANDO EM SER VICE-PREFEITO: Ex - prefeito de Lagoa Seca Dr. Gilvando Carneiro Leal PTdoB apoiará os candidatos a deputados do ex - candidato a prefeito nas eleições de 2012 Fabio Ramalho PSD

Ex - prefeito do Município de Lagoa Seca, no Agreste do Estado da Paraíba. Dr. Gilvando Carneiro Leal PTdoB. anda meio escondido da cidade de Lagoa Seca. desde que entregou a prefeitura do município. apareceu somente em 2012 se filiou ao PTdoB do deputado estadual Genival Matias.


Ex - prefeito de Lagoa Seca, ex - vice prefeito, Dr. Gilvando Carneiro Leal é filiado ao PTdoB - Partido Trabalhista do Brasil. em 2012 pretendia ser vice -prefeito na chapa do empresário José Tadeu Sales de Luna PSC. mais seu nome foi reprovado pela direção do PMDB - Local, com raiva da decisão de  Tadeu por não aceitar o nome de Gilvando como seu vice. Dr. Gilvando Leal  se aproxima ao grupo liderado por Dr. Edvardo Herculano de Lima PSDB.




Relembrando Dr. Gilvando Carneiro Leal PTdoB, já foi aliado histórico do ex - prefeito de Lagoa Seca, Dr. Edvardo Herculano de Lima PSDB. segundas informações o ex-  prefeito Dr. Gilvando Carneiro Leal PTdoB torna a se unir novamente com o grupo de Dr. Edvardo Herculano de Lima PSDB. segundos comentários o ex- prefeito Dr. Gilvando se aproximou-se, do ex - candidato a prefeito Fabio Ramalho PSD irá apoiar  Manoel Ludgerio  PSD, e  Rômulo Gouveia PSD.
src='http://ads.egrana.com.br/indica/7779